Como acessar o SAC Online

Instruções:
Ao acessar o cliente será levado à tela de login do sistema:

Login_SAC

O Usuário e Senha padrão é o CPF [sem pontos e traços]. Lembre-se que deve ser inserido sempre os dados do cadastro do assinante, caso sua conta esteja em nome de pessoa jurídica utilizar o CNPJ ao invés do CPF.

*Caso sua senha não funcione , clique na opção “esqueci minha senha” que uma nova será encaminhada para o e-mail do cliente titular.

Algumas opções fornecidas após o acesso:

  • Segunda via boleto;
  • Auto-desbloqueio;
  • Alterar senha;
  • Gráfico de consumo;
  • Alteração cadastral;
  • Consultar Contrato;
  • Consultar Pagamentos;
  • Protocolos de Atendimento.

Perdeu a data de vencimento do seu boleto?

Emita a 2ª via do seu boleto atualizado agora.

[I] Se você não encontrou seu boleto, acesse nossa Central de Atendimento ao Cliente para retirar a 2ª via do documento.

ajuda-boleto_01

[II] Preencha os campos abaixo com seu usuário e senha.

Login_SAC

[III] Ao acessar, click em “Segunda via boleto”. Na janela verá todas as parcelas em aberto, em “Imprimir” poderá visualizar na tela o boleto desejado.

ajuda-boleto_02

[IV] Anote o código de barras do boleto.

ajuda-boleto_03

[V] Acesse o site do banco SICOOB, através do link “http://www.sicoob.com.br/segunda-via-de-boleto“. Na Aba lateral em “Linha digitável” abrirá os campos para digitar os números impresso no boleto que deseja atualizar.

ajuda-boleto_05

[VI] Após realizar o pagamento do boleto, ainda na Central de Atendimento, click no botão “Auto-desbloqueio”. Sua conexão será automaticamente desbloqueada por 48h, sem precisar contatar nossos atendentes.

*Lembrando que, o Auto-Desbloqueio poderá ser usado somente uma vez por competência. Após o seu uso não será possível a liberação do acesso novamente, devendo o usuário, aguardar pelo retorno bancário (em até 48h após o pagamento) para liberação do acesso de forma automática.

ajuda-boleto_04

Por que eu contrato um serviço de internet de 10 “Mega” e baixo arquivos a 1 MB?

 

Este fato acontece porque estamos falando de medidas diferentes. E essa confusão, na maioria dos casos, deve-se ao prefixo “Mega” comercialmente utilizado desde o inicio da internet, e que faz com que muitas pessoas acreditem estar contratando um serviço com velocidade em Megabytes enquanto na verdade ele está em Megabits.

 

Diferença entre Megabytes e Megabits:

Como o termo Megabyte é muito mais conhecido do que Megabit, o anúncio de uma velocidade como “Mega” sem dúvidas traz certa confusão, ainda mais porque são medidas diferentes. Para entender esta diferença, vamos começar fazendo a conta com as medidas “básicas”.

1 byte é composto por 8 bits

1 kilobyte é composto por 1024 bytes

1 megabyte possui 1024 kilobytes.

 

A taxa de Transferência:

O bit e o byte deram origem a mais duas unidades de grandeza: bps (bit por segundo) e o B/s (byte por segundo). Ambas pertencem à grandeza “taxa de transferência” e também são responsáveis por boa parte das reclamações recebidas nas centrais de atendimentos das empresas prestadoras de serviços de Internet.

A taxa de transferência normalmente é expressa em KB/s (kilobytes por segundo). Se um byte é igual a oito bits, obviamente a taxa de transferência terá um valor oito vezes menor.

Partindo desta premissa, se você quer saber qual será sua taxa real de download, faça o cálculo “dividindo por 8” (O resultado será um valor aproximado, pois um pouco desta velocidade deve ser descontada para o fluxo de dados).

Abaixo segue uma tabela para ilustrar melhor a idéia:

Tabela-KB

 

Para saber aproximadamente quanto tempo o download de um arquivo vai demorar, você pode fazer o seguinte cálculo:

Primeiro, transforme o tamanho do arquivo para Kilobytes. Para um valor aproximado, multiplique o valor em Megabytes por 1000. Vamos utilizar um arquivo de 100 MB como exemplo:

 

100 x 1.000 = 100.000 Kilobytes

 

Em seguida, divida este número pelo valor da velocidade do download. Digamos que sua conexão seja de 3Mbps, o que leva a uma velocidade de download de 375 KB/s.

 

100.000 / 375 = 266,66 Segundos

 

Então, como o valor encontrado está em segundos, divida-o por 60. O resultado será o tempo aproximado (em minutos) que o download deverá demorar.

 

266,66/60 = 4,44 Minutos

Parte 1: O protocolo IP

Parte 2: Sistemas

Parte 3: DNS